Consultoria de Imagem - Processo de Descobrimentos

Pode parecer piada, mas as nossas roupas dizem muito sobre nós, nosso estilo de vida e como estamos nos sentindo no momento.



É...nossas roupas tem esse “poder” de comunicar muita coisa sobre nós e é por isso que as escolhas que fazemos ao abrir o guarda-roupa ou quando entramos em uma loja devem ser pautadas sob muito cuidado, análise e reflexão. Parece bobagem né... mas precisamos levar em conta aquilo que queremos transmitir, em especial, em cada situação da vida.



Não posso ir trabalhar com desleixo, se quero passar credibilidade aos meus colegas, não devo me vestir com roupas pequenas ou rasgadas, se pretendo aquela promoção. Seria contraditório ir num encontro com roupa suja ou furada, se quero fisgar o coração do boy. Sou mãe e preciso de conforto, mas vou de salto alto, porque elegância só é conquistada com um sapato social!!? Tenho 30 anos, mas as pessoas acham que tenho 20 por ser muito delicada. Porque será que elas não enxergam a mulher competente que sou?



Infelizmente a nossa aparência é a primeira impressão que as pessoas têm acerca de nós. Não estou falando que precisamos nos preocupar com o julgamento dos outros...mas o mínimo de cuidado que temos com nós mesmo, demonstra que teremos com as demais coisas da vida.  



Algumas pessoas têm facilidade para fazer escolhas de vestuário coerentes com a vida e estilo que se têm. Outras nem tanto. A busca por uma roupa é um martírio e nada parece ficar bom. Acaba sempre usando as mesmas coisas. Tem pessoas que compram coisas por impulso, roupas bonitas até em alguns casos, mas que não condizem com quem se é, e acabam nunca usando todas as novas aquisições. Ficam lá, paradas, roupas que poderiam estar desfilando pelas ruas no seu corpitcho ou no de outra pessoa, e vamos combinar que roupa parada é também dinheiro mal investido.



Todo esse emaranhado complicado que é escolher o que comprar ou que vestir, pode ser desembaraçado pelo trabalho de um Consultor de Imagem.





A Consultoria de Imagem tem sido procurada por pessoas com novos propósitos de vida ou que busquem uma relação saudável e sustentável com seu guarda-roupa. Este trabalho orienta o cliente a ter em seu arsenal apenas roupas que reflitam quem ele é, de acordo com seu biótipo e sua vida. Pode esquecer aqueles programas de TV que o apresentador chega e vai jogando tudo fora.



O Consultor de Imagem sabe que o que o cliente tem, também não está ali por acaso. As circunstâncias da vida mudam, você pode ser pai agora, ter uma carreira em ascensão, ter o primeiro emprego, se tornado uma grande palestrante, engravidado...enfim...O trabalho informativo do consultor é muito prático e dinâmico de maneira a adequar o que se tem ao objetivo que se quer chegar.



Existem formatos e metodologias diferentes, mas resumindo a ópera, se faz uma investigação por questionários e entrevistas com o cliente para compreender o estilo da pessoa, sua vida, seus objetivos. Em etapas seguintes, avalia-se o perfil físico da pessoa, se faz inventário das roupas, composição de looks, dicas de acordo com o biótipo, indicação de novas compras, cores que favorecem.



Como Consultora de Imagem, posso afirmar que o processo é transformador e muito divertido também. Em muitos casos, as pessoas se descobrem e se energizam para alcançar suas metas.



Se você se interessou por esse trabalho e quiser saber mais, me manda um e-mail. Vou adorar trocar uma ideia.  



Beijos da Lu! 


  • 02/05/2017 - 17:10:19

Fashion Revolution Week

Diante da loucura que é o mundo industrial da moda e os tantos abusos que são cometidos nesse processo, foi criado em 24 de abril de 2013, a Fashion Revolution Week. Esse evento foi influenciado pelo incidente de Rana Plaza, onde aproximadamente 1.133 trabalhadores morreram e 2.500 ficaram feridos em um desabamento da fábrica têxtil de 8 andares por descumprimento das exigências de segurança, em Bangladesh. Esse desastre e tantos outros têm trazido à tona o lado obscuro da indústria de vestuário, que tem se mostrado exploradora, ambientalmente nociva, precisando de uma mudança rápida. Desde então tem se intensificado o discurso sobre a responsabilidade social das empresas na cadeia produtiva de roupas.



A Fashion Revolution Week é um movimento que trata destas questões de forma bem inteligente. Assim como seus criadores, “nós amamos a moda, mas não queremos que nossas roupas venham a custo de pessoas e do planeta” - FRW Brasil.



Por trás dessa campanha está um conselho global de líderes da indústria da moda sustentável e mais de 90 países adeptos ao movimento, que unem esforços para “aumentar a conscientização sobre o verdadeiro custo da moda e seu impacto em todas as fases do processo de produção e consumo, mostrando ao mundo que a mudança é possível através da celebração dos envolvidos na criação de um futuro mais sustentável e criar conexões exigindo transparência.” - FRW Brasil.



Então, hoje, viemos propor a vocês que nos ajudem a transformar a moda em uma força para o bem. Durante essa semana, até dia 30, postem uma foto em suas redes sociais mostrando a etiqueta de suas roupas usando a hashtag #WhoMadeMyClothes (Quem fez as minhas roupas?). A ideia é pressionar marcas a mostrarem as condições de trabalho envolvidas em cada peça de roupa.





Vamos aproveitar para refletir também onde estamos nesta cadeia e qual nosso papel nela.




  • 26/04/2017 - 10:59:24

Metateen em ação

A moda teen é tão efervescente, se não mais, que o próprio fashion business. A coisa rola muito espontânea e natural. Atualmente, as referências e influências vêm muito de cantores e, principalmente, de youtubers. É impressionante como a galeria jovem tem usado a internet para se expressar.



Interessante que essa moda teen é muito mais regional e muda de colégio para colégio. Usa-se dessa “moda” para se identificar muito mais do que para valorizar silhueta e combinar estampas. Eu já passei dos meus 12 anos há algum tempo e certamente não frequento mais o colégio. Então, sou “ultrapassada” em conceitos teen.



Assim, pedi um help da Francielly Matsenbach, minha amiga e vizinha, super ligada nesse mundo da beleza e mega conhecedora da moda teen, para falar com mais propriedade sobre os gostos e preferências dos adolescentes. Prontamente, ela atendeu meu pedido e cá estamos, em parceria.



Se liga que a bichinha é fera. 



"Meu nome é Francielly Matsenbach, mas podem me chamar de Fran!! Tenho 11 anos e sempre gostei de moda e beleza. Fiquei muito mais interessada, quando fiz um trabalho que empreendedorismo no 5 ano, quando tinha 10 anos. Nele eu desenvolvi uma loja de noivas e amei falar sobre moda e beleza!!



Já que estamos na semana do retorno as aulas, que tal falarmos de 4 vantagens de usar uniforme escolar.







1- Acordar (muito) atrasada e não ter que gastar seus minutos preciosos escolhendo roupa.



Quem nunca? Aquele sonho te deixou alguns "minutinhos" preciosos na cama... e o uniforme está lá prontinho para ser usado sem nenhuma "dor de cabeça" .



2- Suas roupas "de sair" duram muito mais.



Aquela camiseta que você ama não duraria tanto se ela fosse usada todo dia, né ? Fora que, por não precisar variar tanto nos looks, você pode guardar um dinheirinho para comprar aquela peça dos seus sonhos. Portanto, ponto para a economia.



3- Mochila e tênis estilosos ganham mais destaque.



Essas duas peças são suas aliadas na hora de deixar o uniforme mais a sua cara.



4- Na grande maioria das vezes, eles são bem confortáveis e práticos.



Alguns uniformes podem ser usados até na Educação Física, pois não apertam e nem diminuem seus movimentos.



 

Bônus - No fim do ano vc pode assinar a camiseta dos seus amigos e guardar de recordação as declarações deles. heart



Beijos fran"


  • 08/02/2017 - 09:52:50

A lição da moda: por Michelle Obama e Melania Trump

Na última sexta-feira (20), Donald Trump tomou posse como 45° Presidente dos EUA. O protocolo, seguido tradicionalmente há 80 anos, custou cerca de 175 milhões de doláres e teve direito a todo tipo de fofoca internacional. Desde o costumeiro discuro agressivo de Trump e tulmultuosos protestos contra ele, até a cara impagável de Michelle Obama ao receber a "singela" caixa da Tiffany's que MelaniaTrump a presenteou.



Mais o que não para de ecoar nas redes sociais, são os comentários acerca dos looks de Melania Trump e sua antessessora.





É fato que a única coisa que elas tem em comum, é a letra inicial de seus nomes. Obviamente que substituir Michelle como primeira-dama (#welovemichelleobama), não será tarefa fácil, mas confessamos que a ex-modelo eslovena tem se esforçado. 



Depois que muitos estilistas fomosos se recusarem a ligar seu nome a nova Firts Lady, como Marc Jacobs e Tom Fords, muitos burburinhos surgiram sobre quem a vestiria na Cerimônia de Posse. Melania surgiu com um casaco de caximira de Ralph Lauren, azul candy, mais discreto e sóbrio do que o vermelho que ela costuma usar e mais clássico do que as modelagens sexy em que ela aparece.



O modelito tem inspiração nos anos 60 e não demorou muito para que muitas pessoas comparassem o visual com o de Jackie Kennedy.



Certamente é perigoso fazer uma releitura de uma grande referência de moda como Jackie, especialmente de alguém que está na mesma posição que ela. Talvez por isso que o look de Melania me desagradou um pouco. 



Ela apostou em luvas e sapato do mesmo tom, com maquiagem e acessórios discretos. O penteado também teve referência de Jackie. Certamente, o look foi planejado. Melania tem um estilo mais exuberante e moderno. Trazê-la para o lado mais tradicional e sofisticado foi um erro. Esperei ver mais a ostentação costumeira de Melania ou algum recorte moderno na sua roupa e isso para mim foi decepcionante. Queria que seu look tivesse um pouco a sua cara.







Por outro lado, Michelle apostou em um vestido midi vinho, em A, com um pequeno cinto de couro modelando sua cintura. Elegante como sempre. Respeitou seu estilo e teve coerência com todos os demais looks que vestiu nesses 8 anos. Simplicidade descreve. A ex-primeira-dama gosta de estampas, de tomara-que-caia, de um ar despojado e sabe valorizar suas curvas. E princialmente, sabe adequar seu estilo ao momento. 



 







Mais do que a diferença de gosto e estilo, podemos ver, com essas duas mulheres, o quanto a moda comunica e o quanto ela pode ser uma ferramente de linguagem. Enquanto Melania, desfilando suas roupas de grifes e modelos ostentosos, usa a moda para demonstrar status e diferenciação social, Michelle se apossa dela para personificar seu papel social e símbolo de inspiração e fortalecimento do empoderamento feminino e racial. Michelle, em suas aparições públicas, com seus vestidos, "fala" mais que qualquer outro orador. Com a simplicidade de seus vestidos, ela transmitia mensagens sobre política, economia, sobre a questão racial e feminina. 



Tudo isso para dizer para você, minhas amigas, que nossas roupas falam muito de nós e muito por nós. 



 



 



 



 



 


  • 23/01/2017 - 20:26:51

#Embaixadora: Path das tendências

Oi people!!!



Lembram das 30 mulheres convidadas a participarem do nosso projeto como Embaixadoras do Blog? Entonces...Aos poucos as parcerias vão sendo desvendadas e vocês vão poder descobrir um pouco mais de cada uma dessas Embaixadoras.



Hoje, estamos aqui para falar da Path. Uma mulher com uma capacidade impressionante de cativar as pessoas com seu jeito fofo de ser. Começou timidamente com uma loja de bijoux e agora expandiu sua marca para uma loja de roupas.



A Path Closet recém inaugurou (Rua Getúlio Vargas, 156) e já está fazendo maior sucesso pela cidade. Para quem gosta de moda e tendência, sem gastar muito, eis um bom lugar para comprar! Quanta coisa bonita com ótimo preço! 



Eu e a Cami passamos por lá e vou dizer hein que loucura. Mas mesmo assim, conseguimos encontrar várias peças bacanas para mostrar para vocês. Bom, a visita rendeu tanto que cada uma comprou uma peça e saímos de lá mega felizes, sem gastar muito, o que é ainda melhor.cheeky 



Não conseguimos tirar foto com a Path, porque ela estava na correria. Deixamos para uma próxima!



Dá uma conferida no que a gente selecionou para vocês. 





Beijos da Cami e Lu!




  • 09/11/2016 - 14:15:41

Siga no Facebook

Contato

 (49)9927-6338 / Camila 

 (49)9998-5556 / Luana